Templates da Lua

20100420

Apociése.



E o pesadelo que enfeita nossos imensos castelos
Se vestem e semeiam incontáveis mistérios
A nova era... Uma vez
Já era tarde, mas ainda á espera
Ao lado dela...
Ensaia mais uma estréia
Á pele dela
Pintada á aquarela.
Afunda em lagos
Submersos dentro da beleza dela.
Á costela que abraça o órgão
O leite que sustenta
E alimenta a fera
Pra ela
Era tudo novidade
O parto que realmente a fizera
Renascer de verdade.



Vinicius Ribeiro.