Templates da Lua

20081211

Dias em que nunca chove,mas transborda.


São os dias loucos que me fazem pensar.
Começo achar tudo diferente demais.
Alias mesmo que o vento nunca mais sopre
a alegria distante de quem sofre,
só com minhas asas eu consigo voar.
Chegar ao céu,falar com DEUS
e por lá ficar.
Mas se eu acordo,só me importo,
se aqui de novo me encontrar.
meus olhos volto a fechar,
pra viajar aonde o pensamento me levar.
Dar a volta ao mundo,
conhecer os mares e seus mistérios,
os reinos e seus impérios.
É serio!São esses dias que me fazem ser quem eu sou.
Dentro da velha história que não sei ao certo quem inventou.
Já imaginou?Como seria se eu pudesse gritar
tudo que eu pude avistar quando meu pé saiu do chão
e visitou o vulcão,o olho do furacão
ou alguma outra sensação.
De atravessar os maremotos,
impossiveis terremotos,
tirar uma foto,só eu me solto,
por inteiro, não sou mais prisioneiro.
Agora no mar sou marinheiro
que navega a procura de algo que falta aqui dentro,
bem no centro,
do músculo vermelho pulsante,
meu único tripulante,
meu eterno acompanhante.



Vinicius Ribeiro.