Templates da Lua

20110812

Epifania

Respiro em escândalo o silêncio de mais esta noite
E fecundações dos raios de sol em cada madrugada
Continuam falando;
“Avante, avante em minha força; & vós não retrocedereis por nada!”

Monstro amor o lado de dentro pra fora de você
Só pra saber sobre novas posições dos ponteiros
Estendidos em ruídos estéreis de som
Inventando novas significações.

Algumas pessoas morrem boiando na superfície
E mensagens traduzidas em idiomas que não existem
Gritam;
"Amigos, sondem o labirinto”.

Uma boa parte de mim já não mora mais aqui
Estreito corredor onde cabe a fantasia realidade crônica
Em todas as cores e o psicodélico arco íris
Viam um novo sol amanhacer refletido em você.


                                               Vinicius Ribeiro.